4.12.14

Bolo de romã e chocolate

As romãs são cultivadas em todas as regiões de Israel e usadas em muitas e variadas receitas.Apenas um fruto pode conter 600 sementes.
Este bolo tem tudo o que um bom bolo precisa: açúcar mascavado, treacle, especiarias, chocolate e romãs claro.[80 cakes from around the world]

Ingredientes [forma de aro com 23 cm]
330g de farinha de trigo
1 c. de chá de gengibre em pó
1/2 c.de chá de cardamomo em pó [esmaguei 6 sementes]
1 c. de chá de bicarbonato de sódio
245ml de buttermilk
2 ovos médios
270g de açúcar mascavado escuro [usei 240g]
1 colher de sopa de melaço de romã [ou treacle]
150g treacle/melado [usei este]
100 g de manteiga sem sal, derretida

Calda
180 ml de sumo de romã
170g açúcar [usei 70]
6 sementes de cardamomo, esmagadas
1/2 c. de chá de água de rosas

Ganache de chocolate
20g de manteiga sem sal, em cubos
120 ml de natas
125g chocolate negro [70% de cacau] 

Para decorar
sementes de uma romã grande

Preparação
Aqueça o forno a 170 °C / Gas- 3. Unte uma forma de aro de 23 cm [usei normal].
Peneire a farinha, o gengibre, cardamomo e bicarbonato de sódio para uma tigela grande. Faça um buraco no centro, adicione o buttermilk, ovos, açúcar, melaço, melado e manteiga derretida e bata até ficar homogêneo. Despeje na forma preparada e leve ao forno durante 45 minutos testando com a lamina da faca.Deixe arrefecer na forma.
Para fazer a calda, coloque o sumo de romã, açúcar e cardamomo numa caçarola e deixe ferver dois a 3 minutos, mexendo para dissolver o açúcar. Retire do fogo e adicione a água de rosas. Passe por uma peneira fina. Quando a calda estiver morna despeje sobre o bolo na forma. 15 minutos depois retire-o da forma.
Para o ganache: coloque a manteiga e natas numa caçarola e deixe ferver. Retire do lume e adicione o chocolate em pedaços esperando até se dissolver. Mexa para obter um preparado brilhante.
Verta sobre o bolo e empurre para a borda com uma espátula.Polvilhe com as sementes de romã.
Sirva como sobremesa com creme fraiche ou iogurte grego.
Pomegranates are grown throughout Israel and are used in many different dishes. There can be as many as 600 seeds in one fruit. 
This cake has everything a good cake needs: brown sugar, treacle, spice, chocolate and pomegranate of course. [80 cakes from around the world]

Chocolate pomegranate cake (makes a 23cm cake)
330g plain flour
1 teaspoon ground ginger
1/2 teaspoon ground cardamom
1 teaspoon bicarbonate of soda
245ml buttermilk
2 medium eggs
270g dark soft brown sugar
1 tablespoon pomegranate molasses (or treacle)
150g treacle
100g unsalted butter, melted

syrup
180 ml pomegranate juice
170g caster sugar
6 cardamom pods, crushed
1/2 teaspoon rosewater

Chocolate glaze
20g unsalted butter, diced
120ml double cream
I25g dark chocolate (70 per cent cocoa solids), chopped

To decorate
seeds from 1 large pomegranate

Heat the oven to 170°C/Gas Mark 3. Grease a 23cm springform cake tin or a petal cake tin and line the base with baking parchment.
Sift the flour, ginger, cardamom and bicarbonate of soda into a large mixing bowl. Make a deep well in the centre, add the buttermilk, eggs, sugar, molasses, treacle and melted butter and whisk until smooth. Pour into the prepared tin and bake for 45 minutes or until the cake is well risen and a skewer inserted in the centre comes out clean. Leave to cool in the tin.
To make the syrup, put the pomegranate juice, sugar and cardamom in a small pan and bring to the boil, stirring to dissolve the sugar. Boil for 2–3 minutes, then remove from the heat and add the rosewater. Pass through a fine sieve. Allow the syrup to cool slightly, then pour it over the cake in the tin.Leave in the tin for about 15 minutes before turning it out.
To make the glaze, put the butter and cream into a small pan and bring to the boil. Pour over the chocolate in a bowl and leave for 1 minute, then whisk gently to make a shiny glaze.
Pour the glaze immediately over the cake and push it to the sides with a spatula, allowing it to fall over the edges slightly. Sprinkle with the pomegranate seeds.
Serve with creme fraiche or Greek yoghurt as a dessert.

21.11.14

Tomate assado com penne, feta e pesto de rúcula

Uma sugestão da Donna Hay para o Verão que decorre no hemisfério sul. Aqui no norte provei-a ainda morna e confortou-me num dia chuvoso e cinza. E aplaquei mais um desejo: voltar a degustar um bom queijo feta.

Ingredientes para 4
250g de tomate cherry
1/3 chávena/ xícara [80 ml] de azeite
1/4 chávena de folhas de manjericão
1/4 chávena [40g] de pinhões torrados
1 dente de alho finamente picado
2 colheres de sopa de raspas de parmesão
100g folhas de rúcula bebe
250g penne 
1 brócolo , cortado em pequenos floretes
200g de feta suave desfeito
zest de limão

Preparação
Pré-aqueça forno a 200ºC. Coloque o tomate num tabuleiro e regue com 2 c. de chá de azeite. Tempere com sal e pimenta.Asse por 10 minutos ou até ficar murcho. Retire do forno
Coloque o manjericão, pinhões, alho, parmesão e metade da rúcula num robot e triture. Sem parar a máquina adicione o azeite restante e tempere com sal e pimenta.
Coloque a massa penne numa panela grande com água a ferver, seguindo as instruções da embalagem até ficar al dente, acrescentando os floretes de brócolos nos 2 últimos minutos. Escorra bem. Misture delicadamente na massa, o tomate assado, o pesto, o feta e a rúcula que restou.
Distribua pelas tigelas de massa, espalhe o zest de limão e sirva de imediato.

Tomato and fetta penne with rocket pesto
250g tomatoes
1/3 cup (8oml) olive oil
1/4 cup basil leaves
1/4 cup (40g) toasted pine nuts
1 garlic clove, finely chopped
2 tbs finely grated parmesan
100g baby rocket leaves
250g dried penne
1 head broccoli, cut into small florets
200g Smooth Fetta, crumbled
Lemon zest


Preheat oven to 200ºC.
Place tomatoes on a baking tray and drizzle with 2 teaspoons of the oil.Season with salt and pepper. Roast for 10 minutes or until tomatoes begin to wilt. Remove from oven.Place the basil pine nuts, garlic, parmesan and half the rocket in a food processor. Process until finely chopped. With the motor running, gradually add remaining oil in a thin, steady stream. Season with salt and pepper.
Cook the penne in a large saucepan of boiling water following packet directions until al dente, adding the broccoli in the last 2 minutes of cooking.Drain well. Return to pan with tomatoes, pesto, fetta and remaining rocket.
Gently toss to combine. Divide among serving bowls. Top with lemon zest and serve immediately.
Serves 4.

13.11.14

Risotto de chouriço e tomate seco

Estou em Lisboa saltitando entre duas cozinhas. Já tinha saudades da minha casa soalheira na margem do rio e da luz única da cidade.
Este risotto foi improvisado há dois anos em São Paulo para testar uma máquina e agora repeti-o para o mesmo fim, além da nutrição claro. É fácil, saboroso e tem poucos ingredientes por isso recorrente e merecedor de lugar aqui. 

Ingredientes para 4
1 cebola
um fio de azeite
1 dente de alho
160 g de tomate seco
80 g de chouriço
50 g de Vermute 
700 g de água
300 g de arroz arbóreo
sal
pimenta moída
queijo parmesão ralado qb [coloco 2 c. sopa]

Thermomix
Triture o chouriço na velocidade 7. Pique a cebola e o alho por poucos segundos na velocidade 5. Junte o azeite e marque 5 minutos, 100ºC velocidade colher inversa. 
Junte o vermute, o tomate seco inteiro, o arroz e a água e seleccione 13 minutos, 100º C, velocidade colher inversa.
No final junte o sal, a pimenta e o queijo e marque um minuto na mesma velocidade e sem temperatura.Sirva de imediato.

Notas para gregos e troianos
Se algum dos 4 não gostar de parmesão adicione-o em cada prato mal sirva e misture.
Se não tiver vermute substitua por água.
Para fazer metade das quantidades, marque 11minutos +1 sem temperatura.

6.11.14

Tatin de beringelas e pinhões

Testei a tatin d'aubergines aux pignons da Saveurs, com uma salada de tomate e maxixe temperada com pesto.  Num dia solarengo e feliz antevendo a chegada de uma amiga. Não chegamos  a partilhá-la.
As noites sucederam-se aos dias e a Terra continuou a girar sem que desse conta. Aos poucos os sentidos despertaram do torpor da dor. Foi difícil aceitar. Talvez acreditando em algo abstracto ajude, mas a minha fé reside na humanidade.
Dedico esta receita à Magda com quem partilhei vivências inesquecíveis e que agora estará sempre comigo.

Ingredientes para 4
250g de massa folhada
1 beringela grande
50g de pinhões
2 c. de sopa de açúcar mascavado
5 c. de sopa de azeite de oliva
Flor de sal
pimenta

Tatin d'aubergines aux pignons
Pour 4 personnes
250 g de pâte feuilletée étalée
1 grosse aubergine
50 g de pignons de pin
2 c. à soupe de cassonade
5 c. à soupe d’huile d’olive
Fleur de sel
poivre

Pré-aqueça o forno a 180 ° C.
Lave e seque a berinjela e corte em fatias.
Salteie as fatias numa frigideira com azeite, até que comecem a dourar.
Unte uma forma [usei uma frigideira de forno] e polvilhe com açúcar mascavado.
Distribua os pinhões pelo fundo e adicione as rodelas de berinjela.De seguida cubra com a massa folhada dobrando as bordas para o interior.
Fure a massa com um garfo e leve ao forno por 30 minutos.
Ao sair do forno deixe arrefecer por 5 minutos, depois desenforme a tarte sobre um prato. Tempere com flor de sal e pimenta.

Préchauffez le four à 180 °C.
Lavez, séchez l’aubergine et coupez-la en rondelles.
Faites revenir les rondelles dans une poêle avec l’huile d’olive jusqu’à ce qu’elles commencent à dorer.
Huilez un moule à tarte et poudrez-le de cassonade.
Parsemez le fond du moule de pignons, ajoutez les rondelles d’aubergine en rosace puis couvrez avec la pâte feuilletée en rabattant les bords vers l’intérieur.
Piquez la pâte à l’aide d’une fourchette et enfournez pour 30 mn.
À la sortie du four, passez un petit couteau le long du moule, laissez refroidir 5 mn puis démoulez la tarte sur une assiette en la retournant.Assaisonnez avec du sel e du poivre.