8.7.12

Tajine de frango e azeitonas verdes

Sinto-me acarinhada pelo povo brasileiro desde que aqui cheguei e se o primeiro abraço bem apertado de um desconhecido [daqueles que reservamos para os amigos do coração] me causou constrangimento, assimilei com o tempo a intensidade da expressão "aquele abraço" e agora sou eu que os dou :) 
Na semana em que comemorámos um ano de vida neste país e mais uma vez através do Sabores de Canela, que já me trouxe pessoas amigas, desafios e projectos, tornei-me colaboradora da empresa que comercializa a Thermomix aqui no Brasil. Um novo desafio que agarro, como entusiasta desta máquina impulsionadora das minhas experiências culinárias nos últimos 5 anos.
Inevitavelmente a sugestão hoje é preparada na Thermomix e apesar dos sabores a lembrar o Médio Oriente, é baseada no livro australiano In the mix
Não se intimidem com a quantidade de ingredientes desta tajine sem tajine, na maioria especiarias que constam no stock das nossas cozinhas. Fiz a Harissa no dia anterior para agilizar a receita.

Ingredientes para a Harissa
2 pimentos vermelhos
25 g de chillies [malaguetas]
30 g de sementes de cominhos
15 g de sementes de coentros
2 dentes de alho
Sal

Na chama do fogão asse os pimentos até queimar a pele.Entretanto abra metade da quantidade de chillies ao meio e remova as sementes.

No copo da Thermomix coloque as sementes de cominho e coentros e seleccione 3 minutos, 100º C, velocidade 1.Deixe arrefecer poucos minutos e triture na velocidade 10, durante 30 segundos.
Remova a pele dos pimentos, depois as sementes e adicione às sementes trituradas no copo, junte os chillies e o alho. Triture 30 segundos na velocidade 6, faça descer os resíduos nas paredes do copo e repita até obter uma pasta macia.Tempere com sal e reserve.

Ingredientes para o frango

30 g de sementes de cominho [usei metade]
30 g de sementes de coentros [usei metade]
6 dentes de alho descascados
1 talo de aipo cortado em 3 pedaços
1 cenoura média descascada e cortada em 3 pedaços
1 cebola descascada cortada ao meio
50 g de azeite
10 g de gengibre ralado
10 g de canela moída
1 pitada de fios de açafrão [usei iraniano]
8 pedaços de frango sem pele e ossos [removi apenas os ossos maiores]
400 g de tomate pelado
2 folhas de louro
2 raminhos de tomilho
500 g de caldo de frango [substituí por água]
20 g de mel
80 g de harissa
200 de azeitonas verde descaroçadas[usei 150 g]
35 g de limão em conserva ralado 
Sal e pimenta 
1 chávena [xícara] de coentros picados

Preparação

Coloque as sementes de cominho e de coentros no copo e marque 3 minutos, 100ºC, velocidade 1. Deixe arrefecer um pouco e seleccione 30 segundos na velocidade 7 e reserve. 
Triture o alho 1 segundo na velocidade 7 e junte os restantes legumes, cebola, aipo e cenoura
e triture na velocidade 5, durante 2 segundos. Faça descer os residuos no copo com a espátula e se os pedaços estiverem muito grandes repita.
Adicione o azeite e o sal e seleccione 10 minutos, 100ºC, velocidade inversa.No final junte os pedaços de frango, as sementes que reservou, o gengibre moído, a canela, o açafrão, o tomate, o louro e o tomilho e cubra com o caldo ou a água.Marque 20 minutos, 100ºC, velocidade colher inversa.
Quando terminar junte o mel, a harissa preparada, as azeitonas, o limão e o sal e pimenta e misture sem temperatura, 1 minuto na velocidade colher inversa.
Guarneça com coentros picados e sirva com couscous  [servi com couscous e arroz de açafrão]

Nota- Pode fazer o couscous na Varoma, para isso quando introduzir o frango, em vez de 100º, monte o cesto da Varoma e seleccione a temperatura Varoma. Forre o tabuleiro da mesma com uma gaze. Este couscous deve ser hidratado 1º e misturado com um pouco de azeite.

15 comentários:

  1. Já passou um ano Helena? Que rápido!!!!! Parece que foi ontem que li o teu post sobre as mudanças que se operavam na tua vida!
    Fico contente por saber que tudo corre bem do outro lado do oceano e que os projectos antigos e novos te satisfazem.
    Adoro comida marroquina e é como tu dizes: temos as especiarias necessárias em casa, depois é só misturar. Mas ontem andamos por paragens um pouco mais a sul: o jantar foi um divinal caril de peixe, que em breve partilharemos no blogue :)

    ResponderEliminar
  2. Olá Ondina
    No dia 2 fez um ano que aqui cheguei.
    Caril de peixe ou carne é mesmo muito bom!
    Bom domingo!

    ResponderEliminar
  3. Um ano já se passou!
    Parabéns pelo novo desafio. Que tudo corra bem.
    Esta receita está uma explosão de sabores, adoro as especiarias usadas. Um prato riquíssimo e ao alcance de todos.
    Beijinho.

    ResponderEliminar
  4. Parece que foi ontem e já passou tanto tempo :) Ainda bem que foram bem recebidos, não poderia ser de outra maneira! Quem me dera uma garfada desse prato com as especiarias que tanto me encantam :)

    ResponderEliminar
  5. Que bom que o balanço da mudança, após um ano, seja tão positivo! E parabéns por mais este desafio, Helena!
    Um beijinho
    Teresa

    ResponderEliminar
  6. Ameixinha quando aí for fazemos um piquenique marroquino :)

    Obrigada Teresa.
    Um beijinho

    ResponderEliminar
  7. q aspecto delicioso :)
    ja sou seguidora aqui do teu blog :)

    espero q me visites e gostes :) arteateaoinfinito.blogspot.com

    bjinhos

    ResponderEliminar
  8. Também lembro o teu post (na altura era leitora silenciosa eheh), com uma fotografia lindíssima...e depressa leio que já passou um ano.
    Que bom saber que tudo está a correr bem e que já estás familiarizada com esse lindo país!
    Gostei muito da sugestão, tem aromas e sabores que gosto muito!
    Espero que tudo continue a correr bem :
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  9. Minha querida 1 ano, puxa passa a correr.Mas só podias ser bem recebida. :)

    E essa novidade de te juntares à equipa de colaboradores da Termomix aí no Brasil, uauuuuu parabéns!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  10. Agradeço a tua visita Crayon

    Sofia
    Obrigada!Fico contente que a receita seja do teu agrado.

    Sandrinha
    Obrigada e um beijinho saudoso!

    ResponderEliminar
  11. gosto dos teus franguinhos
    :)

    ResponderEliminar
  12. Excelente receita, vindo do Brasil com cheiro a Marrocos e mãos de Portuguesa.. há melhor coisa? Duvido :) um beijo

    ResponderEliminar
  13. Amiga, que te dêm aí, os abraços apertados que por cá ficam vazios... Mas vamos sentindo o gostinho dos teus temperos, sempre inspiradores.
    Boa sorte para os novos desafios!! :)
    Bj grande.

    ResponderEliminar